Sistemas centralizados e descentralizados de saneamento

Sistema centralizado e descentralizado de saneamento

O sistema centralizado e o sistema descentralizado de tratamento de água são complementares. No Webinário “A Realidade dos Corpos Hídricos Urbanos no Brasil”, a engenheira Ana Silva, professora do departamento de Engenheira Sanitária e do Meio Ambiente da UERJ, falou da importância da gestão integrada das águas e águas residuárias na cidade.

Uma área urbana engloba desde bairros com urbanização mais ou menos densa até zonas com sítios e agricultura familiar. Todo esse conjunto de ambientes interage. O uso/reuso da água precisa ser planejado de forma integrada. Para Ana Silva, antes de tudo, precisamos de planejamento. Exemplos:

(1) Condomínios, bairros, grandes empreendimentos, indústrias, shoppings e áreas rurais podem fazer a gestão descentralizada de tratamento de efluentes para reuso de águas cinzas.
(2) Os bairros que são atendidos pelo modelo centralizado com as Estações de Tratamento de Água para abastecimento e ETES para tratamento de efluentes podem também oferecer águas de reuso para fins industriais.


Saiba mais:

“A Realidade dos Corpos Hídricos Urbanos no Brasil”: https://youtu.be/sLKMYenLsnI?t=1481


#centralizadoEdescentralizado #reuso #aguascinzas #PMSB #planejamentomunicipalSaneamentoBásico #mananciais #abastecimento

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.